fbpx
fale conosco! +55 19 4062 8611
Last Mile

Já estamos acostumados com a comodidade de comprar produtos pela internet e recebê-los em casa, correto? É natural que o cliente avalie as entregas, e veja se as compras chegaram no dia previsto e com qualidade. Este processo de entrega ao consumidor final é chamado de last mile.


As vendas online durante a pandemia do novo coronavírus aumentaram consideravelmente. De acordo com pesquisa da Ebit/Nielsen, divulgada pela Exame, o e-commerce brasileiro de 2020 apresentou sua maior alta em 20 anos.


O levantamento ainda mostra que o faturamento pela internet subiu 47% no primeiro semestre do mesmo ano. Além disso, o número de pedidos online foi extremamente significativo: 90,8 milhões entre janeiro e junho de 2020.


Em outras palavras, esse aumento de vendas só foi possível pelos avanços tecnológicos. A transformação digital foi responsável direta pelas melhorias do last mile, permitindo que as entregas sejam feitas com mais segurança e precisão.


Enfim, este artigo irá te explicar como funciona o last mile e como ele é diretamente impactado pela tecnologia. Boa leitura!


O que é last mile?


O last mile, que também pode ser chamado de última milha, é um processo que cuida da última etapa de entrega de um produto. Ou seja, é responsável por cumprir um trajeto que liga o centro de distribuição de uma empresa, até a casa do consumidor.


Como é de se imaginar, este processo logístico é um tanto quanto complicado. Se a etapa de first mile já é complexa, lidar com a quantidade de vendas online e criar uma boa estratégia de last mile talvez seja ainda mais.


Muitos fatores precisam ser levados em conta para a criação de uma estratégia eficiente de entregas ao consumidor final. Afinal, estes pontos impactam a forma como o cliente vê a marca, positivamente ou não.


Ou seja, se um varejo busca atualmente migrar para as vendas online, é necessário já esperar uma série de desafios que precisam ser ultrapassados. Listamos eles a seguir:


Os desafios do last mile


Altos custos de frete: querendo ou não, o valor de frete impacta diretamente na satisfação do cliente. É preciso desenvolver estratégias que busquem o transporte com valores acessíveis em relação à concorrência. Ou seja, um valor baixo estimula o consumidor a de fato realizar a compra na sua loja online.


Rotas precisas: qual trajeto é o mais seguro para o envio das mercadorias? O last mile, por enviar produtos para a casa de cada consumidor, é um processo por si só muito complexo. A tecnologia é uma aliada nesta etapa, e ajuda a traçar rotas mais precisas e seguras.


Rastreabilidade de mercadorias: o acompanhamento da carga em tempo real é um benefício tanto para a empresa como para o cliente. Desta forma, o processo de last mile torna-se mais seguro para o e-commerce.


Entregas de qualidade: o processo de last mile precisa se preocupar diretamente com a qualidade das entregas. Ou seja, o produto precisa chegar ao consumidor em perfeito estado. Além disso, o pacote precisa chegar no tempo previsto ou, melhor ainda, mais cedo.


A tecnologia logística


Como sempre digo, a tecnologia é uma aliada fundamental para empresas de todos os setores. Investir em soluções especializadas em last mile pode solucionar todos os desafios citados acima. Além disso, ainda ajudar na criação de uma boa reputação para o empreendimento e no aumento de lucros.


Sistemas de gestão contribuem no planejamento mais preciso de rotas, otimização das vendas e leva a uma maior fidelização de clientes. Um exemplo disso é o Cargo Online, solução logística da Online Applications, que permite o monitoramento das entregas em tempo real, traz mais segurança e agilidade para as rotas. Para mais informações sobre o last mile do Cargo Online, acesse o nosso site!


Em conclusão, o last mile é um processo logístico que é responsável pela entrega de produtos ao consumidor final. Existe uma série de desafios que esta etapa engloba, que podem ser solucionados com a ajuda da tecnologia.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *